RACIOCÍNIO CLÍNICO EM ENFERMAGEM

UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

  • Gleison Faria
  • Alexandra Alves de Carvalho
  • Valerian Santos Souza SEMCZYSZYM
  • Suzana Nogueira
  • Loiane Claire BIANQUI
  • Edilaine dos Anjos Pereira
  • Francisco Leandro Soares de Souza
  • Leidiane Miguel ROMANHA

Resumo

Raciocínio clínico é o processo usado por profissionais da área da saúde para refletir e planejar o tratamento do paciente, ou seja, é a chamada tomada de decisão. Serve para orientar e conduzir da melhor maneira possível o tratamento do paciente. Objetivos: Identificar e analisar referências bibliográficas de enfermagem nas bases de dados LILACS, BVS, SciELO e REBEM sobre o raciocínio clínico e pensamento crítico chegando a um diagnóstico de enfermagem a partir da queixa do paciente. Metodologia: Trata-se de estudos de revisão de literatura com caráter exploratórios, retrospectivos e análise crítica da literatura que foi realizado por meio de uma pesquisa em documentos eletrônicos publicados em periódicos, sendo utilizados artigos científicos, dissertações e teses; foi dispensado o uso do termo de livre esclarecido por se trata de uma revisão de literatura. Resultados: Da análise bibliográfica identificou-se que o raciocínio clínico se desenvolve a partir do conhecimento científico dos profissionais de enfermagem dentro do âmbito hospitalar, e que não se tem muito estudo nesta área. Todos os profissionais praticam o raciocínio clínico no dia a dia, em qualquer situação, pois, todas as ações desenvolvidas por profissionais dentro do âmbito hospitalar têm que raciocinar para chegar a uma intervenção. Conclusão: Conclui-se que existem diversas formas pessoais e institucionais para o aprimoramento desse raciocínio pelos profissionais da saúde, tendo a necessidade da criação de programas de formação sobre o assunto. Acredita-se também que a revisão literária forneceu subsídios para uma melhoria na reflexão e no entendimento do raciocínio clínico pelos futuros profissionais.

Publicado
2021-05-25
Seção
Artigos de Revisão